sexta-feira, 18 de julho de 2014

A voz do Muro

Já não sem tempo eu vou postar algumas fotos de Grafites com mensagens escritas, (tipográficas) eu particularmente gosto bastante deste tipo de expressão. 

Existem inúmeras classificações para as letras que vemos nas ruas, embora a maioria delas seja semelhante, elas são produzidas de várias maneiras e em vários níveis de dificuldade e isso será assunto para outro post.

Quero deixar claro que não tenho a intenção de incentivar o vandalismo ou nenhuma coisa do gênero. Apenas estou mostrando uma  das utilizações do arte urbana no contexto reflexivo. Não podemos negar o fato de que sem pensar em questões de estética e discussões sobre Arte ou vandalismo. O fator principal é a comunicação de uma ideia, esta primeira foto por exemplo que me levou a criar o post hoje, porque achei impactante, foi tirada na entrada da estação Ceasa da CPTM, (17/04 - noite) com certeza, milhares de pessoas visualizaram esta frase e assim como eu parou para refletir um pouco sobre o que está escrito. Cumpre o papel de fazer refletir, se não para todos, ao menos aqueles que conseguem ainda, sair de um campo comum e ir um pouco além do obvio. 
Eu estou sempre dizendo nos post que as ruas e os muros, sufocados de cinza, gritam!


Stencil próprio na Vila Leopoldina


Postar um comentário